Infográficos

Sala de aula invertida: o que muda no trabalho do professor?

Conheça a Sala de Aula Invertida, ou flipped classroom, uma das tendências para a educação no século 21! Como aplicá-la e o que muda na dinâmica entre aluno e professor?

A sala de aula invertida (ou flipped classroom, em inglês) é uma variação do Ensino Híbrido. Nesse modelo, alunos estudam os conteúdos previamente, à distância, através de materiais digitais: videoaulas, textos, podcasts, etc.. Eles servem como introdução aos temas que, mais adiante, serão aprofundados com professores e colegas.

Isso não significa que a sala de aula fica de fora do processo! Após o estudo individual, os alunos vão para a escola, onde tiram dúvidas, debatem, trazem assuntos complementares e desenvolvem projetos e atividades em grupo. Justamente o contrário do sistema tradicional, em que o aluno primeiro aprende em uma aula expositiva e, depois, faz a tarefa de casa sozinho.

A sala de aula invertida coloca o foco no estudante, não no professor. Afinal, a transmissão de conteúdo, por si só, prescinde de um educador – os relacionamentos fazem sentido ao gerar oportunidades de aprendizagem significativas, quando a turma, presencialmente, consegue explorar um assunto em profundidade e criar a partir do conhecimento adquirido. A abordagem respeita o tempo de aprendizagem de cada aluno, já que ele pode selecionar qual conteúdo assistir em casa, em que ordem acessar os materiais e, quando houver dificuldade de compreensão, rever para anotar dúvidas e fazer pesquisas paralelas.

Para o professor, isso significa – como é comum à maioria das abordagens da Educação no século 21 – que ele deixa de ser um transmissor de conhecimento. Por outro lado, cabe a ele curar informações, oferecendo fontes confiáveis, atuais e interessantes a seus alunos; cabe a ele provocar reflexões que desenvolvam nos jovens o senso crítico e a capacidade de pesquisar, filtrar e relacionar essas informações; cabe a ele criar um ambiente em que esses conteúdos se tornem relevantes, aplicáveis, através de dinâmicas adequadas ao contexto da turma; cabe a ele manter um olhar atento para o desenvolvimento individual, sendo assim capaz de apontar caminhos que ampliem a aprendizagem de cada um.

Baixe agora nosso ebook gratuito: Pequeno glossário de inovação educacional!

Seu trabalho em sala de aula pode ser organizado de diversas maneiras, como o ensino baseado em projetos, a rotação por estações de aprendizagem ou a gamificação. São todas abordagens inovadoras que, quando trabalhadas de maneira complementar, tornam a aprendizagem mais envolvente, prática, significativa – além de promover mais tempo e espaço para desenvolver habilidades do século 21: a resolução de problemas, o pensamento crítico, a colaboração e a criatividade.

Entenda a sala de aula invertida com o infográfico abaixo:

Sala de aula invertida

Gostou desse artigo? Continue aprendendo sobre educação inovadora:

8 Comments

  1. 29 de setembro de 2016 at 23:43 — Responder

    Olá, Marcela!
    Muito interessante o assunto da sala de aula invertida. É bastante inovador.
    Obrigado!

    • 22 de março de 2017 at 06:45 — Responder

      Zenny, I think you like reangarring Ann’s hair. You always seem to be very interested in it. Is a line of hair care products in the offering? ZMagic is a good name don’t you think?

  2. 3 de outubro de 2016 at 13:05 — Responder

    Olá Marcela
    Já tenho feito um trabalho de sala de aula invertida com meus alunos desde o início do ano. Estou tendo resultados, mas ainda enfrento resistência dos próprios alunos. Acredita?

    • Foto de perfil de Marcela Lorenzoni
      5 de outubro de 2016 at 11:40 — Responder

      Oi, Roberta! Tudo bem? Acredito, sim – a tecnologia como brincadeira é muito diferente dela com propósitos educativos… É um processo de aprendizagem para todos os envolvidos! Que tipo de resistência você está sentindo? Quais suas estratégias para superá-las? Adoraria saber mais. Um abraço!

      • 22 de março de 2017 at 06:10 — Responder

        Liebe Janina,wie immer zu schnell. Ich bin ja nur in der Historie geblieben. Ich habe mich ganz doll gerfreut, dass wir zusammen fruehstueken konnten! Du warst mir die Altiiwrchtegsle bei all den Abschieden, ich sehe dich doch so selten. Nichts ohne Trotz, mir geht es gut, wie gut will ich gleich im blog schreiben, ich habe edlich eine Internettcafe gefunden, wo Ruhe ist.hdlPapa

    • 22 de março de 2017 at 06:05 — Responder

      I love the Churros and the HUGE corndogs there! my favorite land is Fanalsytand because the castle is so bitesize. You have to go again during winter because they decorate it so well.

    • 31 de outubro de 2017 at 15:18 — Responder

      Olá Roberta,
      meu nome é Lívia Estevam, sou produtora da Web Tv da Universidade Veiga de Almeida. Nós estamos produzindo uma pauta sobre sala de aula invertida. Você estaria interessada em nos dar uma entrevista? Se sim, deixar número e email para contato. Desde já, muito obrigada.

  3. 22 de março de 2017 at 06:15 — Responder

    La diffusion du film a été déplacée au jeudi 12 juillet à 20 H 30 et sera précédée du spectacle équestre à 19 H 30 en face du « cinéma des quauP &raqio;.sour le stage les 13 et 14 juillet tout est complet mais il peux encore y avoir des places, en cas de désistement, ou en auditeurs libres. Le Webmestre pour le Président du G.R.E. 90.

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *