Geekie em Pauta

Geekie é escolhida em prêmio global de empreendedorismo social

A Schwab Foundation for Social Entrepreneurship faz hoje a divulgação mundial dos vencedores do Prêmio Empreendedor Social 2015. Dois brasileiros estão no grupo de 33 premiados de 20 países: Cláudio Sassaki e Eduardo Bontempo são fundadores da Geekie, empresa que usa a tecnologia para transformar a educação. A convite da Schwab Foundation, todos os empreendedores vão participar do Fórum Econômico Mundial, que será realizado em setembro em Tianjin, na China.

“É muito relevante que o Brasil tenha sido escolhido com uma iniciativa que usa bases de dados e algoritmos para melhorar a educação”, diz Sassaki. “Fomos premiados com algo que normalmente é associado ao Primeiro Mundo, a tecnologia, e não com temas mais tradicionalmente ligados ao País, como pobreza ou sustentabilidade.” diz Sassaki.

Criada há três anos, a Geekie desenvolveu uma plataforma online adaptativa com aulas em vídeo e texto que permite um ganho médio de 30% no aprendizado. Ela tem mais de 3 milhões de alunos cadastrados, a maioria deles de escolas públicas. “Temos um compromisso com a melhoria da educação no Brasil.

Além da educação, os 33 premiados pela Schwab Foundation desenvolvem projetos nas áreas de saúde, emprego, empoderamento de mulheres, finanças e sustentabilidade. Eles foram selecionados pelo conselho da fundação, do qual faz parte o bengalês Muhammad Yunus, Prêmio Nobel da Paz, com base em critérios como criatividade e potencial de impacto global.

“Empreendedores sociais são visionários, mas também pessoas realistas, preocupadas acima de tudo com a implementação prática de soluções escaláveis”, disse Hilde Schwab, co-fundadora e presidente da fundação. “Os 33 empreendedores sociais que elecionamos este ano para a comunidade da Schwab Foundation estão desenhando modelos transformadores em colaboração com governos e parceiros privados para gerar crescimento inclusivo de verdade. Dessa forma, representam uma comunidade integral e dinâmica do Fórum Econômico Mundial.”

“Estamos vendo um apetite crescente entre outros grupos de interesse do fórum para aprender com modelos de inovação social e colaborar com empreendedores sociais de formas criativas”, diz David Aikman, diretor do Fórum Econômico Mundial. “Estou certo de que essa tendência só vai continuar a crescer no futuro e o fórum tem orgulho de estar na linha de frente como catalisador de parcerias entre esses grupos de interesse envolvidos com mudanças sociais e ambientais.”

Além do encontro na China, os empreendedores vão participar das prévias regionais do Fórum Econômico Mundial. Sassaki e Bontempo, por exemplo, irão ao encontro regional latino-americano, que será realizado no mês que vem em Riviera Maya, no México. Os vencedores do prêmio também serão admitidos na comunidade de empreendedores sociais da Schwab Foundation, que inclui mais de 300 pessoas em 60 países.

A Schwab Foundation

A Schwab Foundation nasceu em 1998, com o objetivo de identificar líderes do empreendedorismo social no mundo, capazes de criar modelos de inovação sustentável. A fundação foi criada por Hilde e pelo marido, Klaus Schwab. Professor universitário, Klaus é presidente-executivo do Fórum Econômico Mundial, fundado por ele em 1971.





New Call-to-action




No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *