Cases

EMEF Sete de Setembro: resultado do Geekie Teste melhora desempenho de aluno

Bruno, aluno da EMEF Sete de Setembro, mudou seu comportamento na escola depois de descobrir seu resultado no Geekie Teste. Conheça a história do Bruno!

A RGE, uma empresa do Grupo CPFL Energia, por meio do Instituto CPFL e em parceria com a Geekie, disponibilizam duas soluções para as escolas municipais e estaduais de Caxias do Sul: o Geekie Lab, plataforma que oferece videoaulas, resumos e exercícios para complementar o conteúdo de sala de aula, e também o Geekie Teste, a mais confiável avaliação externa do mercado, que entrega os dados que sua escola precisa para potencializar as práticas pedagógicas.

Leia mais sobre o projeto Geekie+ Caxias clicando aqui.

Dentre as muitas escolas que participam do projeto, a EMEF Sete de Setembro foi uma das primeiras a terminar o Geekie Teste, aplicado entre abril e maio de 2018. Todos os alunos fizeram a avaliação! Além disso, os estudantes também apresentam um bom engajamento com o Geekie Lab.

A instituição tem um compromisso muito grande com o projeto e acredita bastante no seu potencial. Rosana Cardoso Vieira, professora de história da EMEF Sete de Setembro, fala que “todos os contatos que tivemos com o projeto trouxeram muitas novidades. Ele auxilia completamente aquilo que trabalhamos. É um projeto que vem para contribuir com tudo aquilo que já temos”.

Rosana fala que os alunos gostam do projeto e sentem seu impacto, pois “eles inclusive comentam sobre as atividades de outros professores no Geekie Lab, como de matemática. Acredito que esse programa é bem interessante pra nós”.

No Ensino Médio das escolas participantes do projeto Geekie+ Caxias, foi aplicado o Simuladão Geekie Enem. Leia mais clicando aqui.

Ao conversar com a escola sobre alguns resultados já obtidos pela parceria, descobrimos um caso muito especial: um aluno chamado Bruno Isaac Andreis, de 13 anos, aluno do 8º ano do Ensino Fundamental, apresentou uma melhoria significativa no seu comportamento. Para entender um pouco mais sobre o caso dele, conversamos com sua mãe, Roseli Indicatti Andreis, e sua professora, Rosana. Confira esta história de superação!

“Quem já foi professor dele percebe a mudança”

Quando perguntamos sobre as transformações no Bruno, Rosana não esconde sua admiração: “o Bruno mudou totalmente. O Geekie Teste é um divisor de águas no Bruno. Acompanho ele desde o 6º ano, e ele sempre foi um menino extremamente tímido e inseguro, além de ter o hábito de se angustiar muito para terminar uma avaliação. Mas, agora, ele está outro menino. Ele se tornou confiante, começou a fazer perguntas durante as aulas e questionar professores e colegas. Quem já foi professor dele percebe a mudança”.

“Ele entrou no Geekie Teste e descobriu, sozinho, o próprio resultado e o resultado dos outros colegas. Não fomos nós que pegamos o resultado e fomos conversar com ele, foi ele mesmo que se surpreendeu com aquilo e começou a acreditar em si próprio. Aí ele percebeu que tinha tirado uma nota muito boa e isso deu um certo empoderamento à ele” – Rosana, professora de história da EMEF Sete de Setembro

A mãe de Bruno, Roseli, concorda completamente com Rosana, e fala, orgulhosamente, que “ele realmente está outro menino, tanto na minha casa quanto na sala de aula. Antes do Geekie Teste, era outra pessoa. Mudou completamente. Eu estou muito feliz e ele também”.

Roseli compartilha que a mudança foi repentina, mas foi fruto de um trabalho anterior, realizado por ela e pela escola também: “como eu trabalho durante o horário que o Bruno tem disponível para estudar, às vezes eu ficava até meia noite ajudando ele com as tarefas. Apesar das dificuldades, ele começou a se esforçar um pouco mais e também ficou mais maduro. Então, quando ele fez o Geekie Teste, foi a grande mudança. Ele chegou em casa muito feliz mesmo. Os olhos dele brilhavam. Agora, ele está muito motivado”. Bruno acrescenta que, “quando viu o resultado, achou muito bom”.

Mesmo com essas mudanças, Roseli ressalta que “o Bruno precisa de espaço e tempo, e nós, pais, precisamos estar disponíveis e dar essa oportunidade para ele”. Um dos objetivos inseridos no uso do Geekie Lab é o de ajudar os alunos com esse tipo de particularidade, pois, na plataforma, é possível pausar e continuar as videoaulas sempre que o Bruno desejar. O estudante diz ainda: “gosto de usar o Geekie Lab para estudar, assistindo às videoaulas e fazendo os exercícios. E os professores também nos incentivam para usarmos a plataforma”.

Toda essa mudança e esse esforço tem a ver com uma “mentalidade de criar confiança de que é possível fazer e atingir novos patamares, apesar das limitações. De forma geral, foi uma surpresa agradável”, conclui a mãe de Bruno.

Rosana também comentou que está conduzindo um projeto que vai mais a fundo na história da nossa escola. “O objetivo é valorizar e reconstruir essa história. E o Bruno está muito envolvido, pois a mãe dele foi aluna da nossa instituição. Então, ele está encantado. Contribui muito e faz muitas perguntas para a mãe”, diz Rosana.

Sobre os resultados já percebidos pela equipe pedagógica da EMEF Sete de Setembro, Rosana fala que os alunos “se sentem mais preparados, mais seguros. É muito legal perceber que os estudantes enxergam nisso uma possibilidade a mais, um desafio diferente”.

Leia mais:

SHARE

EMEF Sete de Setembro: resultado do Geekie Teste melhora desempenho de aluno