Geekie em PautaNotícias

CEO da Geekie é o único brasileiro premiado em evento de inovação da Wired

O cofundador e CEO da Geekie, Claudio Sassaki, é o primeiro brasileiro a fazer parte do programa Innovation Fellowships, grupo seleto que, este ano, conta com 13 inovadores premiados pela revista Wired do Reino Unido – uma das principais publicações de tecnologia e inovação do mundo.

Segundo a Wired UK, o programa reúne “inovadores que estão mudando o mundo” com suas ideias e projetos. Esses “fellows”, bem como outros palestrantes selecionados pela revista (são 50 ao todo), estão apresentando histórias sobre seu trabalho na ciência, design, negócios e outros campos no WIRED 2015, um evento de dois dias que está sendo realizado nestes dias 15 e 16 de outubro em Londres. A revista define o evento como uma “celebração anual dos inovadores, inventores, artistas e empresários que estão reinventando o mundo”.

“Tem sido um privilegio enorme pode estar aqui neste evento e acompanhar tudo o que está acontecendo de inovação no mundo, não só relacionado a tecnologia como a gente conhece, mas também a materiais, música, arte, arquitetura, design. É muito inspirador e um orgulho enorme ser o primeiro brasileiro a ser escolhido como “fellow” da Wired”, comemorou Sassaki, que representou o campo da educação no programa.

A Wired publicou em seu site uma matéria sobre a palestra de Sassaki, realizada nesta manhã. Leia um trecho traduzido e veja o texto inteiro aqui.

Como o ensino adaptativo da Geekie acabou com ‘séculos’ de dor no Brasil
Michael Rundle, Editor da Wired.co.uk

As crianças aprendem de formas diferentes, em diferentes velocidades. Mas nossos sistemas de ensino “com séculos de idade” os tratam como produtos em uma linha de produção, disse Claudio Sassaki, fundador da empresa de aprendizagem personalizada Geekie.

“O sistema educacional está completamente antiquado, tem séculos de idade. É incrível como educamos nossos filhos em lotes, com base na sua “data de fabricação”, que nada tem a ver com a forma como as pessoas aprendem”, ele disse aos participantes no WIRED 2015.

“Ele classifica as crianças com base em um critério: aqueles que se encaixam e aqueles que não se encaixam.”

A Geekie acredita que pode fazer melhor. Baseada no Brasil, terra natal de Sassaki – um país onde há 51 milhões de alunos matriculados, mas onde apenas 20 por cento da população termina o Ensino Médio, cinco vezes maior do que a média global – Geekie tem desenvolvido um sistema personalizado e dinâmico de aprendizado digital. A empresa afirma que pode alcançar uma melhora média de 30 por cento entre os alunos dentro de apenas dois meses de uso.

Inspirado por sua própria experiência de se tornar um pai rico em uma das nações economicamente mais divididas do mundo, e depois de dez anos em um banco de investimento, Sassaki decidiu que queria enfrentar grandes problemas no coração do sistema. “A maioria das crianças no Brasil não têm a capacidade de escolher o que querem fazer […] Eu decidi que queria fazer algo diferente.”

Sassaki fundou a Geekie em 2011 “para usar a tecnologia para reverter o processo” de educação. Em vez de estudantes terem de se adaptar a certas ferramentas – livros de texto ou planos de aula – que podem não ser algo natural para eles, a Geekie pretende ajudar os alunos a encontrar seu próprio caminho, e seguir uma sequência diferente. Quando um aluno entra no aplicativo, ele pede-lhes para completar uma avaliação que mostra onde se classificariam no Exame Nacional de Admissões, e onde estão as lacunas na sua aprendizagem.

“Nós mostramos o que ela precisa estudar, a fim de entrar na universidade que ela quer”, disse Sassaki, apresentando um estudo de caso de Luiza, uma estudante de 16 anos que acreditava que tinha problemas com percentagens, mas cujos professores não perceberam que ela realmente não tinha compreensão das fracções. Estruturas educativas normais iriam perder isso, mas para a Geekie isso é algo óbvio.

“O que fazemos é entender quais são suas lacunas e criar um plano de estudo com base em suas lacunas”, disse Sassaki. “Isso é como nós personalizamos o plano de estudo para cada pessoa.”

Atualização: O vídeo da palestra feita por Claudio Sassaki já está disponível em versão legendada no youtube. Assista agora clicando abaixo:

 

2 Comments